Como administrar meu dinheiro: é possível investir todo mês?

“Veja bem, como é que eu vou investir todo mês se mal me sobra dinheiro no final dele?”

Acredite ou não, esse é o pensamento ou até mesmo a fala de quem quer como administrar o dinheiro para conseguir investir todo mês, mas não enxerga a possibilidade de fazer isso dentro da sua realidade financeira.

Só que, a verdade é o contrário…

Mesmo ganhando pouco, você possui possibilidade de investir mensalmente.

O problema, na realidade, é que a maioria dos brasileiros não conseguem enxergar o ato de poupar como um verdadeiro hábito.

E, sinceramente? É aí que está o segredo!

 Para que você consiga obter sucesso investindo x quantia mensalmente e alcançar o seu objetivo (sendo ele uma casa própria, aposentadoria tranquila ou qualquer outra coisa), é necessário que você comece a poupar.

Aprender a poupar dinheiro é a melhor coisa que você fará pelo seu futuro.

Baixe E-book GRÁTIS: 6 Passos para Organizar a sua Vida Financeira

Sendo a administração do dinheiro para conseguir investimento é a principal dúvida de quem está começando e almejando alcançar objetivos pessoais sem aperto, abaixo você encontrará dicas que funciona para colocar em prática.

A única coisa que posso adiantar é o seguinte: são dicas que especialistas em planejamento financeiro indicam e comprovam a sua eficácia.

E o mais importante é que funcionaram comigo e, com toda certeza, funcionará com você!

Leia o artigo até o final, anote o que for para você mais importante e compartilhe comigo nos comentários se você realmente acredita que a falta de administração do seu dinheiro está fazendo com que você não consiga investir mensalmente.

 

Controle os seus gastos, ou seja, anote até o cafezinho de R$1 real

 

Controlar gastos engloba toda a forma que você lida com o seu financeiro, inclusive, as suas dívidas.

Então, querido amigo, ficará quase impossível de você conseguir investir mensalmente se você possui uma dívida crescendo mês após mês e te gerando mais juros.

Pode parecer meio óbvio… Mas, eu estou ressaltando logo no início a importância de quitar toda e qualquer dívida antes de começar a investir todo mês, por conta de muitas pessoas preferirem investir com dívidas ao invés de quitar as mesmas antes de iniciar.

Estando ciente desse ponto, livre de dívidas e com uma vontade enorme de fazer seu dinheiro trabalhar para você, agora é hora de monitorar os seus gastos, administrando seu dinheiro.

Ok, eu reconheço que esse passo pode ser um pouco cansativo, até um pouco chato depois que a empolgação passa. Mas, é um passo extremamente importante que pode te poupar um longo tempo se você optar por utilizar aplicativo de finanças ou planilha de gastos ao invés do tradicional bloquinho de notas.

Dentre os aplicativos de monitoração de gastos, os mais eficientes e que eu conseguia acompanhar com mais facilidade para onde meu dinheiro estava indo, era, sem dúvidas, o guia bolso, minhas economias, zeropaper e conta azul.

Alguns deles até sincronizam com a sua conta bancária, te poupando um longo tempo de cadastrar os gastos, precisando que você apenas categorize o gasto entre trabalho, médico, compras e entre outras categorias.

Feito isso, é interessante que você analise e monte um esquema de quatro categorias, que são:

  1. Fixas essenciais (Aluguel, condomínio…)
  2. Variáveis essenciais (luz, água, supermercado…)
  3. Fixas não essenciais (assinaturas, tv à cabo…)
  4. Variáveis não essenciais (roupas, restaurantes, cinema…)

Assim, você vai listar todas os seus gastos dentro desse esquema, sempre com base na sua renda mensal e depois de feito, você saberá como o seu dinheiro está sendo gasto.

Obviamente, a única categoria que não poderá sofrer cortes é a primeira. Mas, a ideia aqui é que você reduza tudo que for muito supérfluo.

Por exemplo, você realmente acha necessário gastar uma quantia grande na tv à cabo para assistir filmes do seu gosto, quando existe o netflix com uma mensalidade bem mais baixa e que te possibilita ter quase que a mesma experiência que a tv à cabo?

São coisas a se pensar e que, acredite, fará uma mudança enorme nos seus gastos, te sobrando um bom dinheiro para que consiga investir todo mês.

 

E o seu emocional, será que irá deixar você investir o seu dinheiro todo mês?

Agora, eu sinceramente espero que você não faça parte desse grupo, mas existem pessoas que sabem que estão gastando um valor exacerbado, mas que possuem uma certa dificuldade em cortar os gastos.

Para você que possui essa dificuldade, só uma análise e monitoração dos gastos não é suficiente, é necessário que você descubra se está caindo na armadilha do consumo emocional, que mesmo que pareça uma completa besteira, não é.

Então, você costuma:

  • Você se apega a um estilo de vida que está longe da sua realidade?
  • Você compra na empolgação e depois descobre que não precisava tanto assim?
  • Você sempre faz muitas compras em datas comerciais?

Se você se identificou, eu te aconselho que antes de pensar em cortar seus gastos, pare e reflita sobre o que poderá fazer para fugir dessa armadilha. Até porque, antes de você saber como administrar o seu dinheiro, você precisa resolver isso, para que não comece e fique frustrada em algum momento por ter comprado algo que não precisava.

 

Conclusão: trate o investimento como prioridade, não menos que isso

 

Para finalizar com chave de ouro, a dica é o seguinte: tenha uma reserva emergencial e, bem, saiba que se você deixar para poupar o que sobrar no mês, nunca conseguirá investir todo mês.

Os seus investimentos precisam vir em primeiro lugar, então assim que receber, tire os seus 10% e invista! Depois de se sentir mais confortável, aumente o percentual, até conseguir sobreviver sem os 30% do salário que irá investir.

Parece muito, mas colocando em prática as dicas, ou melhor, os passos, será bem mais simples.

Além de estabelecer um percentual e não contar mais com esse dinheiro para gastos assim que receber o salário, é interessante que você também guarde 3x do valor do seu salário para momentos de crise.

Não é investimento, é um fundo. Então, vai juntando dinheiro mesmo na poupança e use somente para momentos extremamente emergenciais.

Até porque, sem isso, num momento de crise você precisará de um empréstimo ou até mesmo pegar dos seus investimentos, acabando com todo o seu esforço e começando do zero novamente. Siga forte e se orgulhe de agora, finalmente, você saber como administrar seu dinheiro.

Se você quer saber como os Ricos pensam, assista esse vídeo.

2 comentários em “Como administrar meu dinheiro: é possível investir todo mês?”

  1. Pingback: [Guia completo] Como juntar dinheiro rápido? - Perfil do Sucesso

  2. Pingback: Como administrar seu dinheiro agora mesmo? - Perfil do Sucesso

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *